A Polícia Ambiental efetuou três prisões na Região por caça ilegal e porte de armas. Duas delas ocorreram em Candói, na Região da Usina Hidrelétrica de Santa Clara. A equipe abordou uma Saveiro com dois homens de 29 e 45 anos. Durante as buscas, os policiais localizaram dois revólveres calibre 36 e 56 munições intactas do mesmo calibre e uma deflagrada. Além de rádios comunicadores e sete quilos de carne de um cateto. Desse modo, a equipe prendeu os homens e os encaminhou com os materiais apreendidos à Delegacia da Polícia Civil. A PM também autuou os suspeitos no valor de R$ 1 mil.

Imagem: Policia Ambiental

PESCA ILEGAL E PORTE DE ARMA

Em Rio Bonito do Iguaçu, a Polícia Ambiental prendeu um homem de 52 anos durante um patrulhamento aquático. A equipe estava no último sábado (21) na Região da Usina Hidrelétrica de Salto Santiago. Assim, os policiais encontraram 180 metros de redes próximo a barranca do alagado e um freezer com quatro quilos de traíra, com marcas de malhas de redes, a equipe abordou um suspeito que tinha revólver calibre 22 irregularmente. De acordo com as informações, ele era o responsável pelas redes e peixes.

Imagem: Policia Ambiental

A PM o prendeu e o conduziu com o material apreendido à Delegacia da Polícia Civil, ele recebeu uma autuação em R$ 3.080. Ainda durante fiscalização, a equipe apreendeu 740 metros de redes utilizadas para pesca predatória, que estavam armadas em diversos pontos dos alagados.

(Fonte: Policia Ambiental / Portal RSN)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira seu comentário
Por favor insira seu nome aqui