Mais de 21 mil hectares da Mata Atlântica foram desmatados no primeiro semestre de 2022 no Brasil, o equivalente à área de 117 campos de futebol por dia. Os estados com mais perdas foram Bahia, Minas Gerais, Paraná Piauí e Santa Catarina. Os dados são do terceiro boletim do SAD (Sistema de Alertas de Desmatamento). Lançado em fevereiro deste ano, o sistema tem como papel monitorar e difundir informações sobre o desmatamento no bioma. Os dados, consolidados a partir de 3.358 alertas, abrangem pela primeira vez todo o mapa de aplicação da Lei da Mata Atlântica, do qual fazem parte 17 estados brasileiros.

O SAD Mata Atlântica é realizado em parceria pela Fundação SOS Mata Atlântica, a Arcplan e o MapBiomas. Com 3.299 hectares desmatados no período, o Paraná aparecia também em terceiro na destruição da Mata Atlântica. Os números eram parte dos dados da Fundação SOS Mata Atlântica em parceria com o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), órgão do Ministério da Ciência e Tecnologia. Os desmatamentos com mais de 3 hectares representam 35% do total identificado, mas respondem por 87% da área desmatada. No primeiro semestre de 2022, a imensa maioria das derrubadas foi motivada pela agricultura (90,5%), seguida pela expansão urbana (4%).

*Fonte: G+Noticias Guarapuava*

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira seu comentário
Por favor insira seu nome aqui